da Bordeira (Aljezur)

Ir em baixo

da Bordeira (Aljezur)

Mensagem  efe em Ter 02 Mar 2010, 19:35

Um amigo trouxe-me estes exemplares, há pouco. Nunca os vi assim tão grandes e branquinhos e com pé quebradiço.
Aqui fica a ficha de identificação possível, entre o que observei e fotografei, e o que ele me transmitiu do habitat. Agaricus ?

Geografia: Bordeira - Aljezur (a cerca de 2 km do mar)
HABITAT: terreno arenoso, nas proximidades de pinheiros e sobreiros
CHAPÉU: 13 cm; forma convexa; cor branca; cutícula de textura lisa; sem descoloração ao toque; superfície e margem lisas
PÉ: pé com cerca de 12 cm; relação de 2X3 entre diâmetro e altura; cor branca; sem descoloração ao toque; superfície fibrosa; carne com consistência granulada quebrando tipo giz; não percebi bem se o pé é mesmo de forma cilíndrica.
HIMENÓFORO: lâminas de cor creme; sem descolorações ao toque; inserção adnexa; espaçamento muito apertado
ESPORADA: BRANCA
CHEIRO E SABOR: sabor e cheiro inconclusivos














o chapéu maior


Última edição por efe em Ter 02 Mar 2010, 23:35, editado 5 vez(es) (Razão : alteração da referência à cor das lâminas, estava BRANCO, e inclusão do resultado da Esporada.)
avatar
efe
Carpóforo
Carpóforo

Número de Mensagens : 209
Idade : 56
Reputação : 1
Data de inscrição : 28/11/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: da Bordeira (Aljezur)

Mensagem  Monika Weissler em Ter 02 Mar 2010, 21:12

Rolling Eyes Olá efe,
Ainda sou uma iniciante em questão de cogumelos, mas não me parece tratar-se de uma espécie de agaricus, já que esses nunca têm as lamelas brancas. Enquanto jovens, são rosadas e em estado adulto adquirem um tom castanho chocolate.

Além disso, nas tuas fotos parece-me existir uma volva, indicação de amanita, por ventura não será o mortal amanita phalloides?

Monika

Monika Weissler
micélio primário
micélio primário

Número de Mensagens : 48
Idade : 59
Humor : sempre pronta para novas descobertas
Fungónimo : Pilze
Reputação : 1
Data de inscrição : 09/01/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: da Bordeira (Aljezur)

Mensagem  Lebre em Ter 02 Mar 2010, 21:45

Eu aponto noutra direcção: Russula sp..

Lebre
Carpóforo
Carpóforo

Número de Mensagens : 1208
Reputação : 9
Data de inscrição : 04/01/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Russula

Mensagem  efe em Ter 02 Mar 2010, 22:45

Lebre escreveu:Eu aponto noutra direcção: Russula sp..

Pois é, lebre, quando observei os pés - o do exemplar maior já vinha partido -, e ao seccionar os outros pensei em russula, mas nunca tinha visto uma assim tão grande, nem com himenóforos como estes... embora também não tenha visto assim tantas russulas.
Enfim, fica a dúvida, porque faltam alguns aspectos que certamente permitiriam uma identificação exacta, mas obrigado pelo contributo.
avatar
efe
Carpóforo
Carpóforo

Número de Mensagens : 209
Idade : 56
Reputação : 1
Data de inscrição : 28/11/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

não há volva

Mensagem  efe em Ter 02 Mar 2010, 22:51

Monika Weissler escreveu:Rolling Eyes Olá efe,
Ainda sou uma iniciante em questão de cogumelos, mas não me parece tratar-se de uma espécie de agaricus, já que esses nunca têm as lamelas brancas. Enquanto jovens, são rosadas e em estado adulto adquirem um tom castanho chocolate.

Além disso, nas tuas fotos parece-me existir uma volva, indicação de amanita, por ventura não será o mortal amanita phalloides?

Monika

Parece, mas não é volva, é o pé que se está a desfazer, e sugere que na sua parte superior é mais delgado. Logo que o meu amigo o retirou do seu automóvel também pensei tratar-se de um exemplar com volva ou pelo menos com pé claviforme, mas não é. E acho que o chapéu da A. Phalloides não é assim, inocentemente branco. Para além do facto da carne do pé apresentar uma textura tipo pau de giz.
Obrigado pelo contributo.

PS: Eu também sou um neófito nestas andanças.
avatar
efe
Carpóforo
Carpóforo

Número de Mensagens : 209
Idade : 56
Reputação : 1
Data de inscrição : 28/11/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: da Bordeira (Aljezur)

Mensagem  ZecTarius em Ter 02 Mar 2010, 23:06

olá Efe,

Parece-me que visualizo restos de véu parcial, tanto na margem do chapéu como na parte superior do pé; corrige-me se estiver enganado!!
É que se assim for eu apostaria emAmanita sp, apesar de não visualizar volva.


Abraços,

ZecTarius
Carpóforo
Carpóforo

Número de Mensagens : 231
Fungónimo : Lactarionomano
Reputação : 1
Data de inscrição : 20/10/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: da Bordeira (Aljezur)

Mensagem  Zamanita em Ter 02 Mar 2010, 23:16

Opss... entretanto o zt já postou.... mantenho a opinião.


Olá efe

Já tinha respondido mas reparei agora que não estava cá a resposta... Mad entretanto a discussão da volva já alargou Wink
Concordo com a Monika. Parece-me uma Amanita. Talvez o colector não tenha reparado na volva ou não tenha dado importância à sua presença. Não se percebe muito bem como é a base do pé. Para uma conclusão mais segura era importante ver uma foto com o exemplar completo. Talvez o teu amigo encontre outras.
Se a volva realmente existir, apontava para Amanita ponderosa que tem uma volva persistente, membranosa, espessa e ampla.
Se não existir, não estou a ver o que possa ser.
Talvez apareçam opiniões mais seguras que a minha...

Abraço

Zamanita
Carpóforo
Carpóforo

Número de Mensagens : 746
Reputação : 6
Data de inscrição : 05/12/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: da Bordeira (Aljezur)

Mensagem  efe em Ter 02 Mar 2010, 23:34

Bom, eu nunca vi uma amanita com pé-de-giz, mas posso estar enganado e a textura ser mais fibrosa do que granulada (?). Pois, o meu amigo disse que havia por lá mais exemplares. Dado tratar-se de um terreno dele, se não voltar lá brevemente, fica a possibilidade de o fazer na próxima época.

Obrigado pelos contributos.
avatar
efe
Carpóforo
Carpóforo

Número de Mensagens : 209
Idade : 56
Reputação : 1
Data de inscrição : 28/11/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: da Bordeira (Aljezur)

Mensagem  efe em Ter 02 Mar 2010, 23:46

zt escreveu:olá Efe,

Parece-me que visualizo restos de véu parcial, tanto na margem do chapéu como na parte superior do pé; corrige-me se estiver enganado!!
É que se assim for eu apostaria emAmanita sp, apesar de não visualizar volva.


Abraços,


Fui examinar os restos e não consigo confirmar a existência de restos de véu. Mas por outro lado, fiquei indeciso em identificar textura granulosa. Talvez seja fibrosa, mas quebra tipo pau-de-giz em vez de "desagregar" como noto nas texturas fibrosas (devido a excesso de água?).
Não consigo ir mais longe. A menos que os esporos tirem as dúvidas, ao miscroscópio?
avatar
efe
Carpóforo
Carpóforo

Número de Mensagens : 209
Idade : 56
Reputação : 1
Data de inscrição : 28/11/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: da Bordeira (Aljezur)

Mensagem  Zamanita em Qua 03 Mar 2010, 00:00

efe escreveu:
Fui examinar os restos e não consigo confirmar a existência de restos de véu. Mas por outro lado, fiquei indeciso em identificar textura granulosa. Talvez seja fibrosa, mas quebra tipo pau-de-giz em vez de "desagregar" como noto nas texturas fibrosas (devido a excesso de água?).
Não consigo ir mais longe. A menos que os esporos tirem as dúvidas, ao miscroscópio?

Na margem do chapéu pode facilmente ver-se os restos de véu.
O pé concordo que parece ser de consistÊncia fibrosa pela forma como parte.

Zamanita
Carpóforo
Carpóforo

Número de Mensagens : 746
Reputação : 6
Data de inscrição : 05/12/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Amanita

Mensagem  efe em Qua 03 Mar 2010, 00:21

Zamanita escreveu:
efe escreveu:
Fui examinar os restos e não consigo confirmar a existência de restos de véu. Mas por outro lado, fiquei indeciso em identificar textura granulosa. Talvez seja fibrosa, mas quebra tipo pau-de-giz em vez de "desagregar" como noto nas texturas fibrosas (devido a excesso de água?).
Não consigo ir mais longe. A menos que os esporos tirem as dúvidas, ao miscroscópio?

Na margem do chapéu pode facilmente ver-se os restos de véu.
O pé concordo que parece ser de consistÊncia fibrosa pela forma como parte.

Pois, na margem do chapéu vê-se facilmente os restos de véu... para quem reconhece isso facilmente...hehehe. E se num dos exemplares assim é, nos outros dois não - quer dizer, pelo menos não é perceptível.
Ok, então estaremos perante um Amanita virosa, ou A. verna? Mas a carne não tem qualquer sabor nem odor desagradável, como é suposto nessas espécies (?!)
avatar
efe
Carpóforo
Carpóforo

Número de Mensagens : 209
Idade : 56
Reputação : 1
Data de inscrição : 28/11/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: da Bordeira (Aljezur)

Mensagem  Zamanita em Qua 03 Mar 2010, 00:58

Pois... até pode haver mais possibilidades mas sem ver melhor um exemplar completo, não me estico mais... Rolling Eyes

Zamanita
Carpóforo
Carpóforo

Número de Mensagens : 746
Reputação : 6
Data de inscrição : 05/12/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: da Bordeira (Aljezur)

Mensagem  Sabino em Qua 03 Mar 2010, 11:56

Yo también creo que Amanita sp., por la robustez y falta de anillo parece ponderosa o similar.

Sabino
Primordia
Primordia

Número de Mensagens : 142
Fungónimo : Geoglossum
Reputação : 1
Data de inscrição : 23/11/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Amanita cf. ovoidea

Mensagem  Pedro Claro em Sab 06 Mar 2010, 15:40

Muitas dúvidas e muitos dados contraditórios...

Se o pé parte como um pau de giz (fazendo um barulho semelhante), terá que ser Russula sp.

Se tem restos de véu na margem do chapéu, provavelmente Amanita sp.

A primeira coisa que me veio à cabeça quando vi as imagens foi Amanita ovoidea e ainda me parece uma possibilidade a considerar...

Os esporos ao microscópio tirariam todas as dúvidas: serão 'espinhosos' (ornamentados) se se tratar de uma Russula, mas serão lisos e mais ou menos ovoides se se tratar de uma Amanita. E, em princípio, qualquer microscópio permitirá ver a diferença - pelo menos o do Lidl seria suficiente, mesmo a 400x.

Pedro Claro
Basidiocarpo
Basidiocarpo

Número de Mensagens : 1398
Idade : 44
Reputação : 10
Data de inscrição : 10/12/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: da Bordeira (Aljezur)

Mensagem  efe em Sab 06 Mar 2010, 20:12

Pedro Claro escreveu:Muitas dúvidas e muitos dados contraditórios...

Se o pé parte como um pau de giz (fazendo um barulho semelhante), terá que ser Russula sp.

Se tem restos de véu na margem do chapéu, provavelmente Amanita sp.

A primeira coisa que me veio à cabeça quando vi as imagens foi Amanita ovoidea e ainda me parece uma possibilidade a considerar...

Os esporos ao microscópio tirariam todas as dúvidas: serão 'espinhosos' (ornamentados) se se tratar de uma Russula, mas serão lisos e mais ou menos ovoides se se tratar de uma Amanita. E, em princípio, qualquer microscópio permitirá ver a diferença - pelo menos o do Lidl seria suficiente, mesmo a 400x.

Caro Pedro, o microscópio (esse mesmo) está cá, mas não fiz a observação em tempo, agora já não há esporada. A minha primeira impressão foi depois corrigida: não só não partia com esse "ruído" com que parte o giz, como a consistência da carne é mais fibrosa do que granulosa. Ao que parece será mesmo uma Amanita. Em todo o caso, o meu amigo voltará ao terreno nos próximos dias e talvez traga outro exemplar, desta vez colhido integralmente, inclusive com um pouco de terra.
A ver vamos.

Origado pelo contributo.
Abraço.
avatar
efe
Carpóforo
Carpóforo

Número de Mensagens : 209
Idade : 56
Reputação : 1
Data de inscrição : 28/11/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: da Bordeira (Aljezur)

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum