Boletus – Secção Luridi: As dúvidas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Boletus – Secção Luridi: As dúvidas

Mensagem  Lebre em Qui 15 Nov 2012, 21:04

Recentemente voltei a observar boletos em Monsanto, o que já não fazia há algum tempo por vontade própria. A razão que durante muito tempo me levou a prescindir de os observar foi a estranheza das reacções ao corte em função do aspecto macroscópico. Essas reacções estranhas ficaram bem patentes nos tópicos que há alguns dias aqui coloquei, intitulados “Boletus queletii” e “Boleto maravilha”. Isso levou-me a rever as minhas observações efectuadas já neste Outono na mesma zona; Uma vez mais fiquei surpreendido e cheio de dúvidas. Apresento aqui alguns desses casos na esperança de poder fazer alguma luz sobre pelo menos alguns deles. Neste primeiro conjunto de casos é a Secção Luridi do género Boletus que está em causa, cujos representantes são (sem preocupação exaustiva):
B. comptus, B. dupainii, B. erythropus, B. lupinus, B. luridiformis, B. luridus, B. permagnificus, B. poikilochromus, B. queletii, B. satanas, B. torosus.
É caracterizada por apresentar poros vermelhos ou laranja (na fase adulta) e o contexto reagir mais ou menos intensamente azul ao corte. A Espécie tipo desta secção – B. luridus – tem como factores distintivos apresentar um reticulado coberto de grânulos (de cor variável: amarelo a vermelho) na parte superior do pé e a carne ser laranja na zona de inserção dos poros. Para servir como referência apresento como 1º caso o que penso ser um B. luridus típico observado na zona em causa. Em todos os casos a seguir mencionados houve, ao corte, uma reacção azul mais ou menos intensa e uma reacção vermelha na parte inferior do pé, pelo que não as referirei novamente estando elas bem patentes nas fotografias.

Referência: B. luridus




1º caso: Será B. comptus?
Estes dois exemplares unidos pelo chapéu apresentam um reticulado mal definido na parte superior do pé exibindo também, abaixo desta zona, grânulos grandes de cor vermelho escuro a cor-de-vinho; A carne na zona de inserção dos poros é alaranjada de tons muito claros.





2º caso:
Algumas características: Cutícula seca e aveludada de cor grená; margem excedente; Poros cor de laranja; Tubos amarelos; Pé sem reticulado com granulação dispersa mas mais intensa na zona inferior; Reacção ao corte azul circunscrita à zona do himenóforo e rosada no chapéu e parte superior do pé, incluindo a carne por baixo dos poros, que é amarela.




3º caso: Será B. erythropus?
Algumas características: Exemplar algo deformado; Cutícula rosada de tons claros com algumas escamas; Poros de cor indefinida mas escura, já atacado por outro fungo; Pé exibindo um reticulado na parte superior e granulação vermelha escura mais acentuada na parte inferior; Reacção azul em toda a secção e também cor-de vinho, muito intensa quer no chapéu quer na base do pé.




4º caso: Será B. luridus?
Algumas características: Cutícula alaranjada a grená, algo irregular; Poros cor-de-laranja, amarelados na margem; Tubos amarelos; Pé de amarelo forte na parte superior e vermelho na parte inferior, aqui com granulação intensa muito escura, com uma rede mas sem formar reticulado bem definido; Carne cor de laranja na zona de inserção dos poros.



5º caso:
Algumas características: Cutícula castanha escura com tons avermelhados na parte central e esverdeados no restante; Poros de cor alaranjada, amarelados na margem; Tubos amarelos; Pé vermelho muito escuro coberto por granulação intensa e muito escura mas sem reticulado, amarelo só no ápice; Carne laranja de tons muito claros na zona de inserção dos poros e exibindo tons rosados por baixo da cutícula.



Última edição por Lebre em Sex 16 Nov 2012, 21:18, editado 1 vez(es)

Lebre
Carpóforo
Carpóforo

Número de Mensagens : 1208
Reputação : 9
Data de inscrição : 04/01/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boletus – Secção Luridi: As dúvidas

Mensagem  Zamanita em Sex 16 Nov 2012, 13:09

Olá Lebre
1- A reacção ao corte e o aspecto geral são típicos do B. queletii. De certeza que tem reticulado? Não o consigo visualizar...
2- Também me parece que poderia ser enquadrado dentro da variabilidade de B. queletii, apesar dos tons avermelhados na carne do píleo não serem muito típicas.
3- Ao contrário do exemplar nº1, neste caso a retícula é bem visível o que descarta a possibilidade de B. erythropus; este exemplar está atacado por outro fungo (Hypomyces), o que pode ter desvirtuado as cores originais.
4- Parece ter a linha de Bataille mas não tendo reticulado... scratch
5- Porque não, também B.queletii?

Zamanita
Carpóforo
Carpóforo

Número de Mensagens : 746
Reputação : 6
Data de inscrição : 05/12/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boletus – Secção Luridi: As dúvidas

Mensagem  Lebre em Sex 16 Nov 2012, 21:15

Olá Zamanita,
Obrigado pela tua opinião.
Quer-me parecer que consideras B. queletii uma espécie bastante variável, o que para mim é um pouco difícil de aceitar, por não ter tanta experiência como tu. Assim relativamente a:
1- Pus outra fotografia mais aumentada, no local correspondente. Parece-me haver um reticulado ainda que tosco, isto é pouco definido; Se olhares para a zona de transição de cores é mais perceptível;
2 - Quer-me parecer que este exemplar será da mesma espécie que o do tópico "Boleto maravilha"; A cutícula e os tons exibidos ao corte são semelhantes; Acho que este não será B. queletii;
4 - Posso garantir que não tem reticulado.
5 - Mais uma vez acho estranho que a variabilidade da espécie inclua chapéus tão acastanhados, mas pode ser.
Um grande abraço,
Lebre

Lebre
Carpóforo
Carpóforo

Número de Mensagens : 1208
Reputação : 9
Data de inscrição : 04/01/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boletus – Secção Luridi: As dúvidas

Mensagem  Zamanita em Qua 21 Nov 2012, 11:54

Olá Lebre
Não tenho certezas das identificações destes exemplares mas posso garantir que o B.queletii é muito variável, principalmente na cor da cutícula, que pode ir dos laranjas, aos rosas e castanhos. A característica invariável é o avermelhar na base do pé, que pode por vezes estender-se pelo estipe acima e inclusivamente "ocupar" parte do píleo.

B.comptus é uma espécie que não conheço bem. Acho que apenas o encontrei um par de vezes e não fiquei muito concencido da sua identificação.

Já encontrei vários exemplares que partilham características destas duas espécies que referi, com B. luridus, o que por vezes torna a identificação uma dor de cabeça.
Esta trilogia parece-me que não está muito bem definida em termos macroscópicos...

Zamanita
Carpóforo
Carpóforo

Número de Mensagens : 746
Reputação : 6
Data de inscrição : 05/12/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boletus – Secção Luridi: As dúvidas

Mensagem  Lebre em Qua 21 Nov 2012, 23:55

Os meus agradecimentos, Zamanita, por conseguires por as cartas na mesa e ensinar aos leigos, coisas coma a variabilidade da espécie B. queletii, que, como viste, me deixou bem atrapalhado nesse dia. E não penses que escapas a mais uma quantas cartas (=dúvidas) que tenho guardadas no bolso, por falta de tempo.
Até lá, descansa! e recebe um grande abraço boletóide do
Lebre

Lebre
Carpóforo
Carpóforo

Número de Mensagens : 1208
Reputação : 9
Data de inscrição : 04/01/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boletus – Secção Luridi: As dúvidas

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum