Cogumelo natalício (Macrolepiota konradii)

Ir em baixo

estudo Cogumelo natalício (Macrolepiota konradii)

Mensagem  Loco Gato em Sab 27 Dez 2008, 17:41

Encontrei na Mitra (Universidade de Évora) no dia 26 de Dezembro de 2008, junto a um eucalipto defronte da biblioteca, um grupo de cogumelos que identifiquei como sendo Macrolepiota konradii (Huijsman ex P.D. Orton) M.M. Moser (1967).

Aspecto dos seis corpos frutíferos. O sexto foi retirado do local de origem, um pouco à direita fora do campo da foto, e colocado ao pé do 4.

Caracteres importantes. Com * os que delimitam esta espécie em conjunto com M. excoriata, com o qual se parece muito; Com ** a principal característica morfológica que o distingue deste último.


Aspecto dos esporóforos 1, 2 e 3


Variação no padrão da epicutícula: à esquerda o cogumelo 1, à direita o 2.


O registo correspondente, no Index fungorum, dá-nos um historial interessante da reclassificação, que aqui ponho por ordem cronológica:


  1. Lepiota gracilenta sensu Rea (1922), Cooke; fide Checklist of Basidiomycota of Great Britain and Ireland (2005)
    Esta designação está a vermelho no site, o que quer dizer que o nome foi mal aplicado.
  2. Lepiota excoriata var. konradii Huijsman, Medded. Nedl. Mycol. Ver. 28: 18 (1943)
    Huijsman considerou-o uma variedade de Macrolepiota excoriata, na altura incluído no género Lepiota.
  3. Lepiota konradii Huijsman ex P.D. Orton, Trans. Br. mycol. Soc. 43: 283 (1960)
    Orton eleva-o à categoria de espécie, separando-o de M. excoriata. É este o basiónimo da espécie, pois a partir daqui, quando se considere espécie àparte, qualquer novo nome referencia-se a esta designação.
  4. Macrolepiota konradii (Huijsman ex P.D. Orton) M.M. Moser, Kleine Kryptogamenflora, Edn 3 (Stuttgart): 185 (1967)
    Meinhard Moser actualiza a nomenclatura em função de ter sido reclassificado no género Macrolepiota, que se separou do Lepiota. É este o nome actualmente aceite.
  5. Macrolepiota procera var. konradii (Huijsman ex Orton) Gminder, Die Großpilze Baden-Württembergs, 4. Ständerpilze: Blätterpilze II (Stuttgart): 443 (2003).
    Gminder parece não concordar que se trata duma espécie àparte, propondo incluí-la em M. procera. No entanto, não é o nome consensual. Se fosse, então o basiónimo passaria a ser Lepiota excoriata var. konradii Huijsman.

Há outra entrada marcada a vermelho (incorrecto, portanto): Macrolepiota konradii sensu Breitenbach & Kränzlin [BK 4: 216, pl. 250 (1995)], (= Macrolepiota fuliginosa (Barla) Bon (1977)).

A nomeclatura é como um labirinto, e não apenas na Micologia; mas uma vez sabendo como circular pelo meio dela, é meio caminho andado para saber-se daquilo que se fala.

Loco Gato
Basidiocarpo
Basidiocarpo

Número de Mensagens : 363
Idade : 58
Reputação : 0
Data de inscrição : 20/12/2007

Ver perfil do usuário http://www.dbio.uevora.pt/ectoiberica/GUME/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum